Leituras de 27/02/11


***************************************


ANO LITÚRGICO “A” – VIII SEMANA DO TEMPO COMUM

Domingo, 27 de fevereiro de 2011

VIII DOMINGO DO TEMPO COMUM

Verde – Glória – Creio – IV Semana do Saltério

******************************************

Antífona: O Senhor se tornou o meu apoio, libertou-me da angústia e me salvou porque me ama (Sl 17,19s).

Oração do Dia: Fazei, ó Deus, que os acontecimentos deste mundo decorram na paz que desejais e vossa Igreja voz possa servir alegre e tranquila. Por Nosso Senhor Jesus Cristo, Vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

Primeira Leitura: Isaías 49, 14-15

Leitura do livro do profeta Isaías:

49 14 Sião dizia: “O Senhor abandonou-me, o Senhor esqueceu-me”.
15 Pode uma mulher esquecer-se daquele que amamenta? Não ter ternura pelo fruto de suas entranhas? E mesmo que ela o esquecesse, eu não te esqueceria nunca.

Palavra do Senhor.

Graças a Deus!

Salmo Responsorial: 62/61


Só em Deus a minha alma tem repouso,

Só ele é meu rochedo e salvação!

Só em Deus a minha alma tem repouso,
porque dele é que me vem a salvação!
Só ele é meu rochedo e salvação,
a fortaleza onde encontro segurança!

A minha glória e salvação estão em Deus;
o meu refúgio e rocha firme é o Senhor!
Povo todo, esperai sempre no Senhor
e abri diante dele o coração.


Segunda Leitura: 1ª Coríntios 4, 1-5

Leitura da primeira carta de são Paulo aos Coríntios:

Irmãos, 41 que os homens nos considerem, pois, como simples operários de Cristo e administradores dos mistérios de Deus.
2 Ora, o que se exige dos administradores é que sejam fiéis.
3 A mim pouco se me dá ser julgado por vós ou por tribunal humano, pois nem eu me julgo a mim mesmo.
4 De nada me acusa a consciência; contudo, nem por isso sou justificado. Meu juiz é o Senhor.
5 Por isso, não julgueis antes do tempo; esperai que venha o Senhor. Ele porá às claras o que se acha escondido nas trevas. Ele manifestará as intenções dos corações. Então cada um receberá de Deus o louvor que merece.

Palavra do Senhor.
Graças a Deus!

Evangelho: Mateus 6, 24-34

Aleluia, aleluia, aleluia.
A palavra do Senhor é viva e eficaz: ela julga os pensamentos e as intenções do coração (Hb 4,12).

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Mateus:

Naquele tempo, disse Jesus a seus discípulos 624 “Ninguém pode servir a dois senhores, porque ou odiará a um e amará o outro, ou dedicar-se-á a um e desprezará o outro. Não podeis servir a Deus e à riqueza.

25 Portanto, eis que vos digo: não vos preocupeis por vossa vida, pelo que comereis, nem por vosso corpo, pelo que vestireis. A vida não é mais do que o alimento e o corpo não é mais que as vestes?
26 Olhai as aves do céu: não semeiam nem ceifam, nem recolhem nos celeiros e vosso Pai celeste as alimenta. Não valeis vós muito mais que elas?
27 Qual de vós, por mais que se esforce, pode acrescentar um só côvado à duração de sua vida?
28 E por que vos inquietais com as vestes? Considerai como crescem os lírios do campo; não trabalham nem fiam.
29 Entretanto, eu vos digo que o próprio Salomão no auge de sua glória não se vestiu como um deles.
30 Se Deus veste assim a erva dos campos, que hoje cresce e amanhã será lançada ao fogo, quanto mais a vós, homens de pouca fé?
31 Não vos aflijais, nem digais: Que comeremos? Que beberemos? Com que nos vestiremos?
32 São os pagãos que se preocupam com tudo isso. Ora, vosso Pai celeste sabe que necessitais de tudo isso.
33 Buscai em primeiro lugar o Reino de Deus e a sua justiça e todas estas coisas vos serão dadas em acréscimo.
34 Não vos preocupeis, pois, com o dia de amanhã: o dia de amanhã terá as suas preocupações próprias. A cada dia basta o seu cuidado”.

Palavra da Salvação.
Glória a Vós, Senhor!

Não vos preocupeis! (Mt 6, 24-34)

São cada vez mais raras as pessoas despreocupadas. Pressionados pelo trabalho, pela vida nas grandes cidades, pelo noticiário neurotizante, a violência a domicílio, a ânsia de subir na carreira e galgar degraus no padrão de vida, mas acima de tudo pela ilusão de só poder contar com o próprio esforço e com os próprios recursos, temos a testa enrugada e tensa.

Neste Evangelho, Jesus nos anima a viver uma vida distendida, à imagem das aves do céu e dos lírios do campo. A palavra de ordem é simplicidade. Uma vida sóbria que acolhe com gratidão os dons gratuitos de Deus, que é Pai. E a confiança infantil de quem se abandona a seus braços protetores.

O maior obstáculo para esse estilo de vida é a atitude de escravo que tantas vezes adotamos, dedicando tempo e trabalho para servir a feitores cruéis, como o dinheiro e a fama, a carreira e o sucesso. Por isso mesmo, Jesus chama nossa atenção para a incompatibilidade entre uma vida filial, onde o único Senhor é nosso Pai celeste, e a vida de escravos, debaixo do chicote de Mammon, o deus-dinheiro.

Esta meditação me inspirou o soneto “Aos filhos”:

Fitai as aves na amplidão celeste,

A garça branca que nos ares vai…

Nem uma pena da plumagem cai

Sem permissão de Deus, que assim as veste…

Vede os lírios do campo: quem reveste

Seu ouro de lavor? Considerai

Que, lá no céu, tendes um Deus que é Pai

E faz chover amor no solo agreste…

Por que trazeis vossas feições tão graves?

Não valeis, porventura, mais que as aves?

Mais que os lírios do campo não valeis?

Desventura é viver sentindo o travo,

O gosto amargo de um viver escravo,

Sem saber que sois filhos… que sois reis…

O senhorio de Deus em nossa vida é a mais poderosa fonte de liberdade. Vale a pena ler a vida de santos, como Francisco de Assis, e verificar concretamente o notável grau de liberdade que conquistaram ao se abandonarem ao Senhor.

Orai sem cessar: “Tal como uma criança no seio materno,

assim está minha alma em mim mesmo.” (Sl 131, 2)

Texto de Antônio Carlos Santini, da Comunidade Católica Nova Aliança.

santini@novaalianca.com.br www.novaalianca.com.br

************************************

Comentário ao Evangelho do dia feito por:

São Vicente de Paulo (1581-1660), presbítero, fundador de comunidades religiosas

Conferência de 21/02/1659 (trad. a partir de Seuil 1960, p. 547)

Procurai primeiro o reino de Deus

«Procurai primeiro o reino de Deus e a sua justiça, e tudo o mais se vos dará por acréscimo.» […] Por conseguinte é dito que procuremos o reino de Deus. «Procurai-o» é apenas uma palavra, mas parece-me significar muitas coisas. Quer dizer […] trabalhar incessantemente para o reino de Deus, e não permanecer num estado ocioso e estático, prestar atenção ao interior para bem o regrar, e não aos divertimentos exteriores. […] Procurai a Deus dentro de vós, visto que Santo Agostinho confessa que, enquanto O procurou fora dele, não O encontrou. Procurai na vossa alma, como Sua morada agradável e base onde os Seus servos procuram pôr em prática todas as virtudes. A vida interior é imprescindível, e é necessário ampliá-la; se não tivermos vida interior, nada temos. […] Procuremos tornar-nos interiores. […] Procuremos a glória de Deus, procuremos o reino de Jesus Cristo. […]

«Mas [dir-me-ão] há tanto a fazer, tantos trabalhos em casa, tantos empregos na cidade, no campo; trabalho por toda a parte; será então necessário deixar tudo para pensar unicamente em Deus?» Não, mas é necessário santificar estas ocupações procurando a Deus nelas, e fazê-las para O encontrar, mais do que para as ver feitas. Nosso Senhor quer, antes de tudo, que procuremos a Sua glória, o Seu reino, a Sua justiça, e, por isso, que o nosso tesouro seja a vida interior, a fé, a confiança, o amor, os exercícios espirituais […], os trabalhos e as dores com vista a Deus, nosso soberano Senhor. […] Uma vez assim constituídos na procura da glória de Deus, temos a certeza de que o resto se seguirá.

Anúncios
Esse post foi publicado em Geral. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s